segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Escritor da semana - Markus Frank Zusak

Markus Frank Zusak nasceu em Sydney no dia 23 de junho de 1975. Mais novo de quatro filhos de um austríaco e uma alemã, Markus cresceu ouvindo histórias a respeito da Alemanha Nazista, sobre o bombardeio de Munique e sobre judeus marchando pela pequena cidade alemã de sua mãe. Ele sempre soube que essa era uma história que ele queria contar.
     O autor australiano decidiu escrever A menina que roubava livros a partir da experiência dos pais sob o nazismo em seus países de origem. Markus Zusak realizou ampla pesquisa sobre o tema na própria Alemanha, checando informações em Munique e visitando o campo de concentração de Dachau. Algumas histórias da ficção são recordações de infância da mãe.


 Aos 30 anos, Zusak já se firmou como um dos mais inovadores e poéticos romancistas dos dias de hoje. Com a publicação de “A Menina que Roubava Livros”, ele foi batizado como um “fenômeno literário” por críticos australianos e norte-americanos. Zusak é o autor vencedor do prêmio de quatro livros para jovens: “The Underdog”, “Fighting Ruben Wolfe”, “Getting the Girl”, e “Eu Sou o Mensageiro”, receptor de um Printz Honor em 2006 por excelência em literatura jovem. Markus Zusak vive em Sydney com sua esposa e sua filha. Gosta de surfar e assistir filmes em seu tempo livre



Bibliografia
  

• Bridge of Clay (2009) 

• The Book Thief (2006) – A menina que roubava livros

• Getting the Girl (2003)

• The Messenger (2002) – O mensageiro

• Fighting Ruben Wolfe (2001)

• When Dogs Cry (2001)

• The Underdog (1999)

Nenhum comentário:

Postar um comentário